Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Bancária assume presidência da CUT-CE

A bancária Lúcia Silveira assumiu a presidência estadual da CUT

A bancária Lucia Maria Silveira de Queiroz assumiu a presidência da Central Única dos Trabalhadores no Ceará (CUT-CE), diante da desincompatibilização do metalúrgico Wil Pereira, licenciado para concorrer ao cargo de vereador pelo PT de Caucaia. Também se desincompatibilizaram para disputar as eleições municipais deste ano o vice-presidente José Cândido da Silva Filho, a secretária de políticas sociais e direitos humanos Celiane David Bispo, o secretário de juventude Alan Robson Ricardo Alves e os diretores estaduais Maria Janielle Azevedo Xavier Silva, Antônio Fernandes Freitas e Henrique Rebouças de Lima.

Lúcia Silveira é a terceira mulher a assumir a presidência estadual da Central no estado, quando já possui quase 25 anos de militância sindical. Ela foi foi diretora do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas do Ramo Financeiro no Estado do Ceará (SINTRAFI/CE), além de coordenadora da Agência de Desenvolvimento Solidário do Ceará (ADS), onde atuou na economia solidária na perspectiva de geração de emprego e renda com cooperativas, associações e grupos informais. Ela ainda contribuiu para a Escola de Formação da CUT no Nordeste, como coordenadora geral, coordenadora pedagógica e, atualmente, está como coordenadora administrativa-financeira. Lúcia também foi coordenadora do Fórum das CUTs no Nordeste por dois mandatos.

Durante o seu mandato, Lúcia Silveira disse que dará continuidade ao projeto de interiorização e fortalecimento da Central e de suas entidades filiadas, implementado em 2015, quando Wil Pereira tomou posse pela primeira vez como presidente da CUT.

“A nossa Central cresceu bastante nesse período de quase 10 anos. Filiamos importantes sindicatos em todas as regiões do Ceará, lideramos inúmeras lutas em defesa da democracia e dos direitos da classe trabalhadora e garantimos inúmeras conquistas em conjunto com nossos sindicatos e federações”, apontou.

COMPARTILHE:
Mais Notícias
Floresta quer repetir feito do Iguatu no Rei Pelé, diante do CSA, e deixar zona de rebaixamento na Série C

Floresta quer repetir feito do Iguatu no Rei Pelé, diante do CSA, e deixar zona de rebaixamento na Série C

Após um desastroso início de temporada na Série C do Campeonato Brasileiro, quando não conseguiu vencer nas nove primeiras rodadas e amargou o vexame de um 5 a 0, em

“Mais um policial morto… e daí?”

“Mais um policial morto… e daí?”

"Hoje tenho plena convicção que estava errado quando achava que policial era herói. Apesar do altruísmo das nossas ações, não temos o reconhecimento da maioria da população", aponta o coronel

Ceará tem 65% da frota de veículos acima de 10 anos em circulação

Ceará tem 65% da frota de veículos acima de 10 anos em circulação

Cerca de 2,5 milhões de veículos automotores circulam no Ceará, há mais de 10 anos. A quantidade representa cerca de 65% da frota no Estado, segundo levantamento do Departamento Estadual

Ministra das Mulheres acompanha caso de aborto legal negado pela Justiça em Goiás

Ministra das Mulheres acompanha caso de aborto legal negado pela Justiça em Goiás

A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, disse nesse sábado (13), em uma rede social, que a pasta acompanha o caso da desembargadora e da juíza que negaram o aborto legal

Marqueteiro de Milei vê potencial de direita em Fortaleza e chega para campanha de André Fernandes

Marqueteiro de Milei vê potencial de direita em Fortaleza e chega para campanha de André Fernandes

O pré-candidato a prefeito de Fortaleza, André Fernandes, acertou nesse sábado (13) a parceria com o marqueteiro Pablo Nobel, que estará à frente da campanha do PL ao Paço Municipal, assim que Fernandes tiver sua candidatura homologada na convenção partidária.

Ministério recomenda atenção para casos de febre Oropouche no país

Ministério recomenda atenção para casos de febre Oropouche no país

Uma recomendação aos estados e os municípios para que intensifiquem a vigilância em saúde para a possibilidade de transmissão vertical do vírus Oropouche foi emitida nesta semana pelo Ministério da Saúde