Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Leão não tem time para Vozão e sonho do hexa deixa torcida perplexa

Richard defendeu a cobrança de Machuca e encerra jejum de cinco anos sem título estadual

Definitivamente, 2024 não deverá ser um bom ano para o Leão. Os sinais são dados desde a apresentação do elenco, mas os dirigentes apontam as mais variadas desculpas, desde gramado ruim à arbitragem duvidosa.

Mesmo com sucessivos vexames na Copa do Brasil, na Copa do Nordeste e no Estadual, não há mais como negar que Vojvoda perdeu o comando da equipe, quando jogadores se arrastam em campo, mesmo com a gratificação “muito grande” prometida pelo CEO Marcelo Paz.

A perda do inédito hexacampeonato no futebol cearense, na noite deste sábado (6), no Castelão, após empate em 1 a 1 com o maior rival Vozão e aproveitamento de apenas 40% nas cobranças de pênalti, é um forte indicativo de eliminação nas próximas fases da Copa do Nordeste e da Copa do Brasil, além de uma Série A agonizante, contra o rebaixamento.

Antes que Marcelo Paz aponte alguma perseguição ou mau agouro por parte da mídia, não há título de campeão da Copa do Nordeste, de semifinalista da Copa do Brasil ou classificação para a Libertadores que compense a perda do hexacampeonato, principalmente para o maior rival.

Os heróis na decisão foram o goleiro Richard, com duas defesas nas cobranças de pênalti, o goleiro João Ricardo, com duas defesas nas cobranças de pênalti, e Saulo Mineiro, que abriu o placar para o Vozão com um golaço, aos 3 minutos da segunda etapa. Lucero chegou a empatar para o Leão, nove minutos depois.

Os anti-heróis foram Bruno Pacheco, expulso aos 17 minutos da segunda etapa, Pikachu, perdedor da primeira cobrança de pênalti, Tinga, que mandou a bola para o mundo da lua, na quarta cobrança, e o jovem Machuca, que perdeu a cobrança que deu o título ao Vozão. Matheus Felipe e Guilherme desperdiçaram as duas primeiras cobranças do Vozão, mas entrarão para a história como integrantes da equipe que impediu o hexa do Leão.

Ao final da decisão, o artilheiro do campeonato, Erick Pulga, resumiu a “freguesia” do Fortaleza: “Tem que respeitar, nem o Brasil foi hexa”!

COMPARTILHE:
Mais Notícias
“O desaparecimento do povo e as novas caras da democracia”

“O desaparecimento do povo e as novas caras da democracia”

"Das lições distantes do 'direito natural' e do 'contrato social' extraíram-se, com a revolução francesa, conceitos e preceitos que definiam a extensão dos espaços do Estado e da sua força

PRF prende envolvido no 8 de janeiro que tentava fugir para Argentina

PRF prende envolvido no 8 de janeiro que tentava fugir para Argentina

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, no município de Naviraí (MS), um homem foragido e que, segundo a corporação, participou dos fatos ocorridos em 8 de janeiro de 2023, quando

Quatro feridos em desabamento no Vicente Pinzón

Quatro feridos em desabamento no Vicente Pinzón

Quatro pessoas ficaram feridas em um desabamento de alpendre no segundo andar de uma residência no bairro Vicente Pinzón, no início da tarde deste sábado (25). Entre os feridos estão

Morre Cláudia Veras, esposa do Raimundo dos Queijos

Morre Cláudia Veras, esposa do Raimundo dos Queijos

Morreu na noite dessa sexta-feira (24) a comerciante Cláudia Veras de Araújo, esposa do Raimundo dos Queijos, que possui duas lojas em Fortaleza, sendo o tradicional ponto no Centro. A

“O Clã Alexandrino Enlutado”

“O Clã Alexandrino Enlutado”

"Frei Hermínio nunca abandonou o navio de suas origens. Assim em 1958, na calamidade feroz, da seca, sua família partiu para Goiânia e depois na embrionária Brasília. Frei Hermínio ainda