Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Obra abandonada de creche é símbolo de desperdício e descaso à saúde em Maranguape”

Lucilvio Girão é médico e deputado estadual

“É inaceitável que um investimento tão significativo se transforme em uma ameaça à saúde pública, especialmente em um país que enfrenta periodicamente surtos de dengue”, aponta o deputado estadual e médico Dr. Lucilvio Girão. Confira:

No bairro Novo Maranguape I, na cidade de Maranguape, Região Metropolitana de Fortaleza, um projeto que se arrasta desde 2014 com a promessa de nutrir o futuro da comunidade está em completo abandono. A creche do condomínio da Santa passou por algumas interrupções; porém, ainda no local, encontra-se uma placa com previsão de término para novembro de 2023. Todavia, permanece inacabada, transformando-se em um berço de perigos bem maiores do que sua estrutura deteriorada. Avaliado em expressivos R$ 2.160.355,95, o equipamento deveria ser um espaço de aprendizado e desenvolvimento para as crianças da região. Em vez disso, tornou-se um cenário desolador e um verdadeiro criadouro de mosquitos da dengue, entre outros insetos transmissores de doenças, comprometendo a saúde dos moradores.

A presença desses vetores de enfermidades, notadamente em áreas onde deveria haver a promoção da saúde e educação, configura uma falha grave das autoridades. É inaceitável que um investimento tão significativo se transforme em uma ameaça à saúde pública, especialmente em um país que enfrenta periodicamente surtos de dengue. Avaliando esse fato em profundidade: será que estão tentando inserir Maranguape neste ranking?

Esta situação não apenas reflete a ineficiência na gestão de recursos públicos e na execução de obras, mas também destaca a falta de comprometimento com os cuidados básicos necessários para o bem-estar social. A comunidade de Novo Maranguape I merece respeito da prefeitura de Maranguape e exige que projetos sejam concluídos com responsabilidade, garantindo que os espaços destinados ao desenvolvimento infantil não se convertam em riscos à vida.

O abandono da creche é um símbolo do descaso com a educação e a saúde pública. As autoridades devem agir imediatamente para retomar as obras, garantindo sua conclusão não apenas como forma de utilização do espaço conforme o planejado, mas também para eliminar os riscos sanitários que a estrutura paralisada apresenta. Afinal, cada dia de atraso é mais um dia em que nossa futura geração e a comunidade local são deixadas à mercê de riscos que poderiam ser evitados. Não podemos permitir que o futuro de nossas crianças continue sendo negligenciado dessa forma tão perigosa e imprudente.

Lucilvio Girão é médico e deputado estadual

COMPARTILHE:
Mais Notícias
“Transporte público gratuito: para além de uma intenção, um compromisso com o caucaiense”

“Transporte público gratuito: para além de uma intenção, um compromisso com o caucaiense”

"O acesso de graça ao transporte público está na minha pauta prioritária", aponta o empresário e pré-candidato a prefeito de Caucaia, Naumi Amorim. Confira: Desde que me propus a tornar

Biografia de Chico Buarque será lançada no Cantinho do Frango

Biografia de Chico Buarque será lançada no Cantinho do Frango

Na próxima terça-feira, o Cantinho do Frango celebrará o aniversário de Chico Buarque com lançamento de livro e show. Às 19 horas, o jornalista, crítico musical e escritor carioca Tom

NE fecha primeiro trimestre em 1º do País no índice atividade econômica

NE fecha primeiro trimestre em 1º do País no índice atividade econômica

A economia nordestina, medida pelo índice de atividade IBCR-NE do Banco Central do Brasil (Bacen), avançou 3,2% no 1º trimestre de 2024, em comparação com o mesmo período do ano

Cagece suspende abastecimento de água em Fortaleza e Caucaia na quinta-feira

Cagece suspende abastecimento de água em Fortaleza e Caucaia na quinta-feira

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) vai suspender, nesta quinta-feira (13), a partir das 6 horas, o abastecimetno de água em Fortaleza e Caucaia (RMF). Isso, porque

Enchentes afetam saúde mental de moradores da capital gaúcha

Enchentes afetam saúde mental de moradores da capital gaúcha

A população de Porto Alegre com renda familiar inferior a R$ 1,5 mil sofre mais com ansiedade, depressão e síndrome de burnout do que as pessoas com renda familiar maior

“Amor romântico em crise?”

“Amor romântico em crise?”

Com o título "Amor romântico em crise?", eis artigo de Zenilce Bruno, psicóloga e sexóloga. Ela aborda o tema neste Dia dos Namorados. Confira: A consciência da diferença entre o