Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

País tinha 9,4 milhões de empresas em 2022, aponta pesquisa do IBGE

O Planejamento Orçamentário e sua importância para a gestão da sua empresa
O Planejamento Orçamentário e sua importância para a gestão da sua empresa

O país tinha 9,4 milhões de empresas e outras organizações formais ativas em 2022, as quais ocuparam, em 31 de dezembro, 63 milhões de pessoas, sendo 50,2 milhões (80,0%) como pessoal ocupado assalariado e 12,5 milhões (20%) na condição de sócios e proprietários. Os salários e outras remunerações pagos totalizaram R$ 2,3 trilhões. O salário médio mensal foi R$ 3.542,19, equivalente a 2,9 salários mínimos.

Os dados constam das Estatísticas do Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2022 divulgadas nesta quinta-feira (20) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Nesse ano, havia 2,9 milhões de empresas e outras organizações com pessoas assalariadas, o que representa 30,4% do total de empresas e outras organizações. Já as empresas sem pessoas assalariadas representavam 69,6% (6,6 milhões). Essas empresas sem assalariados ocupavam 13,5% do pessoal ocupado total (8,4 milhões), todos sócios e proprietários, o que corresponde a 67,4% desse grupo. Elas pagaram 0,4% dos salários e outras remunerações (R$ 8,6 bilhões), o que corresponde a R$ 2.454,36 de salário médio mensal e dois salários mínimos.

Por outro lado, as empresas com assalariados ocupavam 86,5% do pessoal ocupado total (54,3 milhões) e 32,6% dos sócios e proprietários (4,1 milhões). Além disso, pagaram 99,6% dos salários e outras remunerações (R$ 2,3 trilhões), atingindo média mensal pouco acima da média global, R$ 3.548,12, e 2,9 salários mínimos.

A seção comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas registrou as maiores participações em três das quatro variáveis analisadas: número de empresas e outras organizações (29,1%), pessoal ocupado total (21,0%) e pessoal ocupado assalariado (19,0%), enquanto, em salários e outras remunerações ficou na terceira colocação (13,0%).

A seção indústrias de transformação ocupou a segunda colocação em pessoal ocupado total (14,0%), salários e outras remunerações (16,4%) e pessoal assalariado (15,8%). Já o grupo administração pública, defesa e seguridade social ficou em terceiro lugar em pessoal assalariado (15,7%) e foi a primeira em salários e outras remunerações (23,3%). A seção atividades administrativas e serviços complementares ficou na segunda posição em número de empresas (9,8%) e na quarta posição em pessoal ocupado total (9,7%) e pessoal ocupado assalariado (10,4%).

Em 2022, observa-se que 54,7% do pessoal ocupado assalariado eram formados por homens e 45,3% por mulheres, sendo que eles absorveram 58,5% dos salários e outras remunerações, enquanto elas, 41,5%. Em termos salariais, portanto, os homens receberam salário médio mensal superior ao das mulheres: enquanto eles tiveram R$ 3.791,58, elas receberam R$ 3.241,18, o que significa que eles receberam salário 17% maior.

Em análise por escolaridade, 76,6% do pessoal ocupado assalariado não tinham nível superior e 23,4%, sim O pessoal ocupado assalariado sem nível superior recebeu R$ 2.441,16 e o com ensino superior, R$ 7.094,17, aproximadamente três vezes mais.

Apenas duas atividades apresentaram maior participação de pessoas com nível superior: educação (64,3%) e atividades financeiras, de seguros e serviços relacionados (60,6%). administração pública, defesa e seguridade social (47,4%) completam o ranking dos três setores que mais ocupam pessoas com nível superior.

Para os ocupados sem nível superior, os setores que mais ocupam são alojamento e alimentação (96,1%), agricultura, pecuária, produção florestal e aquicultura (94,1%) e construção (92,6%).

Devido a mudanças metodológicas relacionadas às fontes de informações, a divulgação de 2022 do CEMPRE traz quebra na série histórica iniciada em 2007 e encerrada em 2021. Ou seja, os resultados de 2022 não são comparáveis aos anos anteriores.

(Agência Brasil)

COMPARTILHE:
Mais Notícias
Homem usa retroescavadeira para abrir caminho no trânsito em Juazeiro do Norte e danifica veículos e deixa pessoas feridas

Homem usa retroescavadeira para abrir caminho no trânsito em Juazeiro do Norte e danifica veículos e deixa pessoas feridas

Um homem de 23 anos foi preso na madrugada deste domingo (14), em Juazeiro do Norte, quando decidiu pegar a retroescavadeira da empresa em que trabalha e que presta serviço

Floresta quer repetir feito do Iguatu no Rei Pelé, diante do CSA, e deixar zona de rebaixamento na Série C

Floresta quer repetir feito do Iguatu no Rei Pelé, diante do CSA, e deixar zona de rebaixamento na Série C

Após um desastroso início de temporada na Série C do Campeonato Brasileiro, quando não conseguiu vencer nas nove primeiras rodadas e amargou o vexame de um 5 a 0, em

“Mais um policial morto… e daí?”

“Mais um policial morto… e daí?”

"Hoje tenho plena convicção que estava errado quando achava que policial era herói. Apesar do altruísmo das nossas ações, não temos o reconhecimento da maioria da população", aponta o coronel

Ceará tem 65% da frota de veículos acima de 10 anos em circulação

Ceará tem 65% da frota de veículos acima de 10 anos em circulação

Cerca de 2,5 milhões de veículos automotores circulam no Ceará, há mais de 10 anos. A quantidade representa cerca de 65% da frota no Estado, segundo levantamento do Departamento Estadual

Ministra das Mulheres acompanha caso de aborto legal negado pela Justiça em Goiás

Ministra das Mulheres acompanha caso de aborto legal negado pela Justiça em Goiás

A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, disse nesse sábado (13), em uma rede social, que a pasta acompanha o caso da desembargadora e da juíza que negaram o aborto legal

Marqueteiro de Milei vê potencial de direita em Fortaleza e chega para campanha de André Fernandes

Marqueteiro de Milei vê potencial de direita em Fortaleza e chega para campanha de André Fernandes

O pré-candidato a prefeito de Fortaleza, André Fernandes, acertou nesse sábado (13) a parceria com o marqueteiro Pablo Nobel, que estará à frente da campanha do PL ao Paço Municipal, assim que Fernandes tiver sua candidatura homologada na convenção partidária.