Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Receita recebe 2,2 milhões de declarações do Imposto de Renda

Fachada da sede da Receita Federal,no DF. Foto: Agência Brasil

Parte dos contribuintes aproveitou o fim de semana para acertar as contas com o Leão. Até a tarde deste domingo (17), a Receita Federal recebeu 2,24 milhões de declarações. Isso equivale a 5,23% das 43 milhões esperadas para este ano.

O prazo de entrega da declaração começou às 8h de sexta-feira (15) e vai até as 23h59min59s de 31 de maio. O novo intervalo, segundo a Receita, foi necessário para que todos os contribuintes tenham acesso à declaração pré-preenchida, que é enviada duas semanas após a entrega dos informes de rendimentos pelos empregadores, pelos planos de saúde e pelas instituições financeiras.

Segundo a Receita Federal, 88% das declarações entregues até agora terão direito a receber restituição, enquanto 6,7% terão que pagar Imposto de Renda e 5,3% não têm imposto a pagar nem a receber. A maioria dos documentos foi preenchida a partir do programa de computador (72,8%), mas 16,6% dos contribuintes recorrem ao preenchimento online, que deixa o rascunho da declaração salvo nos computadores do Fisco (nuvem da Receita), e 10,7% declaram pelo aplicativo Meu Imposto de Renda.

Um total de 47,1% dos contribuintes que entregaram o documento à Receita Federal usaram a declaração pré-preenchida, por meio da qual o declarante baixa uma versão preliminar do documento, bastando confirmar as informações ou retificar os dados. A opção de desconto simplificado representa 57,4% dos envios.

Novo prazo
Até 2019, o prazo de entrega da declaração começava no primeiro dia útil de março e ia até o último dia útil de abril. A partir da pandemia de covid-19, a entrega passou a ocorrer entre março e 31 de maio. Desde 2023, passou a vigorar o prazo mais tardio, com o início do envio em 15 de março, o que dá mais tempo aos contribuintes para prepararem a declaração desde o fim de fevereiro, quando chegam os informes de rendimentos.

Outro fator que impulsionou o recorde foi a antecipação do download do programa gerador da declaração. Inicialmente previsto para ser liberado a partir da última sexta-feira (15), o programa teve a liberação antecipada para terça-feira passada (12).

Segundo a Receita Federal, a expectativa é que sejam recebidas 43 milhões de declarações neste ano, número superior ao recorde do ano passado, quando o Fisco recebeu 41.151.515 documentos. Quem enviar a declaração depois do prazo pagará multa de R$ 165,74 ou 20% do imposto devido, prevalecendo o maior valor.

Novidades
Neste ano, a declaração terá algumas mudanças, das quais a principal é o aumento do limite de rendimentos que obriga o envio do documento por causa da mudança na faixa de isenção. O limite de rendimentos tributáveis que obriga o contribuinte a declarar subiu de R$ 28.559,70 para R$ 30.639,90.

Em maio do ano passado, o governo elevou a faixa de isenção para R$ 2.640, o equivalente a dois salários mínimos na época. A mudança não corrigiu as demais faixas da tabela, apenas elevou o limite até o qual o contribuinte é isento.

Mesmo com as faixas superiores da tabela não sendo corrigidas, a mudança ocasionou uma sequência de efeitos em cascata que se refletirão sobre a obrigatoriedade da declaração e os valores de dedução. Além disso, a Lei 14.663/2023 elevou o limite de rendimentos isentos e não tributáveis e de patrimônio mínimo para declarar Imposto de Renda.

(Agência Brasil)

COMPARTILHE:
Mais Notícias
Praia de Iracema é tema de documentário do escritor Raymundo Netto

Praia de Iracema é tema de documentário do escritor Raymundo Netto

https://www.youtube.com/shorts/tsi9Tm1xEDw?feature=share Tudo pronto para o lançamento do documentário "Praia de Iracema - uma história de amores". O trabalho leva a assinatura do escritor Raymundo Netto. O lançamento ocorrerá no próximo

“O resgate do jornalismo”

“O resgate do jornalismo”

"Foi preciso mais que gastar sola de sapato para fazer a matéria. Foi, literalmente, botar o pé na lama, afundar na água até a cintura, navegar em embarcações pouco seguras,

Lewandowski propõe incluir Sistema Único de Segurança na Constituição

Lewandowski propõe incluir Sistema Único de Segurança na Constituição

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, defendeu nesta segunda-feira (20) a inclusão do Sistema Único de Segurança Pública (Susp) na Constituição. “Para promovermos uma integração, para fazermos

Momento ainda não é de discussão, mas PSD quer vice na majoritária de Fortaleza, avisa Domingos Neto

Momento ainda não é de discussão, mas PSD quer vice na majoritária de Fortaleza, avisa Domingos Neto

"Acho que esse não é o momento ainda de se discutir, vai chegar o momento. Todos os partidos que fazem parte da aliança têm suas legitimidades e o PSD também

“Uma entidade de ressonância nacional”, diz ministro do STJ sobre Academia Cearense de Direito

“Uma entidade de ressonância nacional”, diz ministro do STJ sobre Academia Cearense de Direito

O ministro Antonio Carlos Ferreira, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Tribunal Superior Eleitoral, destacou o papel da Academia Cearense de Direito (ACD), em encontro com o advogado

“Boçalidade capataz”

“Boçalidade capataz”

Com o título "Boçalidade capataz", eis artigo de Alexandre Aragão de Albuquerque, mestre em Políticas Públicas e Sociedade (Uece) e especialista em Democracia Participativa e Movimentos Sociais (UFMG). Ele aborda