Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Saiba os temas que devem ser votados pelo Congresso neste 2024

Fake News

Em sessão solene marcada para esta segunda-feira (5), a partir das 15 horas, o Legislativo abrirá oficialmente as atividades de 2024. Na cerimônia, estão previstas as leituras das mensagens dos Poderes Executivo e Judiciário enviadas ao Congresso Nacional. A mensagem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve detalhar as prioridades do governo no parlamento. Entre os projetos que devem ser discutidos neste ano no Congresso Nacional destacam-se as medidas de regulamentação da reforma tributária aprovada no ano passado. Isso porque a Emenda Constitucional 132, que instituiu a reforma tributária, ainda precisa de regulamentação via leis complementares para as principais mudanças começarem a valer.

Os projetos devem ser enviados pelo Executivo e vão tratar sobre a forma de cobrança do Imposto sobre Bens e Serviços (IBS) e da Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS); o funcionamento do comitê gestor dos recursos do IBS; a compensação de eventuais perdas de receita para estados, Distrito Federal e municípios; e sobre os regimes diferenciados e reembolsos de créditos previstos na reforma.

Outros temas que devem ocupar os deputados federais e senadores neste início de ano são a reoneração da folha de pagamento de 17 setores da economia, instituída pela Medida Provisória (MP) 1.202, e os vetos presidenciais ao orçamento, que cortaram R$ 5,6 bilhões de emendas parlamentares.

Também devem entrar na pauta de votações neste ano no Congresso Nacional a reforma do Código Civil, a regulação da Inteligência Artificial (IA), a chamada minirreforma eleitoral e medidas para a transição ecológica, como o projeto para o mercado regulado de carbono e a regulação do mercado do hidrogênio verde.

A reforma tributária sobre a renda prometida pelo governo também pode ser discutida neste ano. Além disso, a Câmara e o Senado devem analisar 20 Medidas Provisórias (MP) já editadas pelo Executivo.

Por ser um ano eleitoral, existe também a expectativa de que temas importantes se concentrem no primeiro semestre do ano, já que o segundo semestre será marcado pelas eleições de prefeitos e vereadores, o que costuma reduzir o nível de votações na Câmara e no Senado.

O presidente do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), afirmou que vai priorizar neste ano a alteração do Código Civil. No ano passado, o Senado instalou uma comissão de juristas para sugerir mudanças na legislação em vigor. A expectativa é que o anteprojeto seja entregue aos parlamentares em abril.

IA e Fake News

Outro tema prioritário para Pacheco e para o governo é a regulação do uso da inteligência artificial. A medida aguarda relatório do senador Eduardo Gomes (PL-TO) na Comissão na Comissão Temporária sobre Inteligência Artificial (CTIA). Na semana passada, a União Europeia deu aval as primeiras regras do mundo para inteligência artificial.

Outro tema que tem ganhado a atenção do governo federal e de parlamentares e pode ser aprovado neste ano é o projeto de lei 2630, chamado de “PL das Fakes News”, que prevê regular as redes sociais para combater a desinformação. Um texto sobre o tema chegou a tramitar no ano passado, mas teve a votação suspensa após pressão das empresas de tecnologia.

(Agência Brasil)

COMPARTILHE:
Mais Notícias
Lewandowski propõe incluir Sistema Único de Segurança na Constituição

Lewandowski propõe incluir Sistema Único de Segurança na Constituição

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, defendeu nesta segunda-feira (20) a inclusão do Sistema Único de Segurança Pública (Susp) na Constituição. “Para promovermos uma integração, para fazermos

Momento ainda não é de discussão, mas PSD quer vice na majoritária de Fortaleza, avisa Domingos Neto

Momento ainda não é de discussão, mas PSD quer vice na majoritária de Fortaleza, avisa Domingos Neto

"Acho que esse não é o momento ainda de se discutir, vai chegar o momento. Todos os partidos que fazem parte da aliança têm suas legitimidades e o PSD também

“Uma entidade de ressonância nacional”, diz ministro do STJ sobre Academia Cearense de Direito

“Uma entidade de ressonância nacional”, diz ministro do STJ sobre Academia Cearense de Direito

O ministro Antonio Carlos Ferreira, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Tribunal Superior Eleitoral, destacou o papel da Academia Cearense de Direito (ACD), em encontro com o advogado

“Boçalidade capataz”

“Boçalidade capataz”

Com o título "Boçalidade capataz", eis artigo de Alexandre Aragão de Albuquerque, mestre em Políticas Públicas e Sociedade (Uece) e especialista em Democracia Participativa e Movimentos Sociais (UFMG). Ele aborda

Lula manifesta pesar pela morte do presidente do Irã

Lula manifesta pesar pela morte do presidente do Irã

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou, nesta segunda-feira (20), a morte do presidente do Irã, Ebrahim Raisi, e do chanceler do país, Hossein Amir Abdollahian. Neste domingo (19),

Fortaleza viaja para Rio no jogo da volta contra Vasco com Vojvoda de astro da torcida

Fortaleza viaja para Rio no jogo da volta contra Vasco com Vojvoda de astro da torcida

Nem Lucero, nem Pikachu, tampouco Kervin... o integrante mais assediado da delegação do Fortaleza, que embarcou para o Rio de Janeiro, no Aeroporto Pinto Martins, na tarde desta segunda-feira